Medalha Milagrosa

Papa no Angelus: "A oração é o respiro da alma"

Oracao.jpg
 photo credit: lefthandrotation via photopin cc

Cidade do Vaticano, 15 dez 2014 (RV) – O Papa Francisco presentou neste domingo um livro de bolso de orações às crianças e fiéis que ser reuniram na Praça São Pedro para o Angelus. Durante a Oração mariana o Santo Padre abençoou os “Bambinelli”, os Meninos Jesus que serão colocados nos presépios das casas dos italianos.

O Tempo de Advento nos convida à vigilância espiritual para preparar o caminho para o Senhor que vem, disse o Papa. Neste terceiro domingo a liturgia nos oferece outra atitude interior para viver essa espera do Senhor, isto é, a alegria. O domingo de hoje, de fato, é chamado "Domingo da Alegria", ou domingo "Gaudete".

"O coração do homem deseja a alegria. Cada família, cada povo aspira à felicidade. Mas qual é a alegria que o cristão é chamado a viver e testemunhar? É a alegria que vem da proximidade de Deus, da sua presença em nossa vida. Desde quando Jesus entrou na história, com seu nascimento em Belém, a humanidade recebeu a semente do Reino de Deus, como um terreno que recebe a semente, promessa da futura colheita. Não é mais necessário procurar em outro lugar! Jesus veio para trazer alegria para todos e para sempre".

Não se trata apenas de uma alegria esperada ou adiada para o paraíso,  - disse ainda o Papa -, mas de uma alegria real e palpável já agora, porque o próprio Jesus é a nossa alegria, como é a nossa paz. Ele está vivo, é o Ressuscitado, e age em nós e entre nós, especialmente com a Palavra e os Sacramentos.

Saudando as crianças que vieram para a bênção dos “Bambinelli” (dos Meninos Jesus), organizado pelo Centro Oratórios Romanos, destacou:

"Quando vocês rezarem em casa, diante de seu presépio, lembrem-se também de mim, como eu me lembro de vocês. A oração é o respiro da alma: é importante encontrar momentos durante o dia para abrir o coração a Deus, também com as  simples e breves orações do povo cristão".

Por esta razão – continuou Francisco -, hoje eu pensei em fazer um presente a todos vocês aqui na praça: um pequeno livro de bolso que recolhe algumas orações, para os vários momentos do dia e para as diferentes situações da vida. Alguns voluntários irão distribuí-los. Peguem um cada um de vocês e carreguem sempre com vocês, como uma ajuda para viver todo o dia unidos a Deus.

A tradição de abençoar os “Meninos Jesus” remonta a Pio XII e desde então todos os Papas neste Domingo de Advento abençoam as imagens que as crianças romanas e de outros lugares trazem à Praça São Pedro.

Francisco recordou ainda que São Paulo, na liturgia de hoje, indica as condições para ser "missionários da alegria": rezar com perseverança, dar graças a Deus, não extinguir o seu Espírito, buscar o bem e evitar o mal (cf. 1 Ts 5,17- 22). Se este será o nosso modo de vida, então a Boa Notícia poderá entrar em tantos lares e ajudar pessoas e famílias a redescobrirem que a salvação está em Jesus.

Com o olhar dirigido ao Natal que já está próximo, continuou Francisco, a Igreja nos convida a testemunhar que Jesus não é um personagem do passado; Ele é a Palavra de Deus, que hoje continua a iluminar o caminho do homem. A Virgem Maria, "Causa da nossa alegria", nos torne sempre felizes no Senhor, que vem nos libertar das muitas escravidões interiores e exteriores, concluiu.

Em seguida concedeu a todos a sua Benção Apostólica.

Ao saudar os fiéis poloneses, disse “uno-me espiritualmente aos seus compatriotas que hoje acendem a "Vela de Natal" e reafirmam o compromisso de solidariedade, especialmente neste Ano da Caritas (Caridade) que se celebra na Polônia. O Papa em seguida mostrou da janela do Palácio Apostólico uma vela que também ele acendeu, segundo a tradição polonesa. (SP)

Rádio Vaticano

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.