Medalha Milagrosa

Associação de mestres católicos no Canadá incentiva testemunho da Fé

 Os mestres católicos estão chamados a dar testemunho com um
maior compromisso que o imposto pelo dever de dar
informação. Foto: Paul Coates. 

Durham - Canadá (Segunda-feira, 22-09-2014, Gaudium Press) Em um evento convocado na igreja de São Leão Magno em Ontário no próximo dia 01 de outubro, se inaugurará uma nova sociedade de educadores católicos no Canadá. O ato será presidido pelo Cardeal Thomas Collins, que explicará aos assistentes a relação estreita entre a educação católica e a Nova Evangelização. Nesse dia não só se apresentará a associação como tal, mas que se realizará uma convocatória aberta aos professores que desejem vincular-se.

O propósito da organização é ajudar aos mestres a dar um melhor testemunho da Fé. "Se podemos ajudar com a Fé, ou a vida de oração ou a prática espiritual, isso vai se notar nos estudantes", comentou a The Catholic Register Paul Coates, presidente da associação de mestres. O educador destacou a participação do Cardeal Collins na inauguração, já que o objetivo da associação é "melhorar e desenvolver a educação católica em nossa comunidade".

Ajudar a um melhor testemunho

Esta seria a quarta sociedade de mestres católicos em Ontário, que se soma às de Toronto, Ottawa e Brantford. As organizações não constituem simplesmente um grêmio ou um sindicato, já que agregam aos benefícios da associação o propósito de "apoiar e fortalecer a vocação de mestre na tradição da Igreja Católica". Por este motivo organizará eventos especiais, conferências, grupos de estudo e retiros para fomentar esta identidade particular.

Além dos professores, associação está aberta aos demais envolvidos na educação católica, como o são os administradores, capelães, assistentes, candidatos a docência, professores retirados e mestres que trabalham em outras áreas. Isto é possível já que o objetivo principal não é o sempre desenvolvimento pessoal, mas o crescimento na Fé.

"Uma autêntica educação católica está arraigada na Palavra vivida", comentou Barry White, Presidente da Sociedade de Professores Católicos de Toronto. "A ideia não é só a transmissão da informação, mas a presença de um mestre que está vivendo sua vocação", explicou. "Cada vez mais os estudantes necessitam mestres que sejam testemunhas e não só especialistas". (GPE/EPC)

Gaudium Press 

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.