Medalha Milagrosa

Arquidiocese de Porto Alegre (RS) acolhe o seu novo Arcebispo Dom Jaime Spengler

Foto: CNBB

Porto Alegre - Rio Grande do Sul (Terça-Feira, 19/11/2013, Gaudium Press) No dia 15 de novembro, a Arquidiocese de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, viveu um momento de grande alegria com a posse do seu mais novo Arcebispo, Dom Jaime Spengler. Ele foi nomeado para a função no dia 18 de setembro, pelo Papa Francisco, em vista do pedido de renúncia de Dom Dadeus Grings por motivo de idade. Dom Jaime era Bispo Auxiliar da Arquidiocese gaúcha e hoje é o Arcebispo Metropolitano mais jovem do Brasil, com 53 anos de idade.

A Celebração Eucarística teve início às 9h, na Catedral Metropolitana, com a execução do Hino Nacional e do Hino Pontifício pela Banda da Brigada Militar. Dom Jaime foi acolhido pelo Colégio de Consultores, pelo Arcebispo Emérito Dom Dadeus Grings e pelo Episcopado gaúcho. A cerimônia de posse contou com a presença de quatro Arcebispos, 29 Bispos, centenas de Sacerdotes, o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, e demais autoridade religiosas e políticas da região.

Nascido em Gaspar, no Estado de Santa Catarina, Dom Jaime teve a grata satisfação de contar com a presença de uma comitiva de mais de 120 pessoas da sua cidade natal e um grupo de cerca de 50 pessoas da Paróquia Senhor Bom Jesus de Curitiba, no Paraná, onde o prelado trabalhou por vários anos.

Dando início ao ato da posse, o Monsenhor Piergiorgio Bertoldi leu a Bula de Nomeação, na qual o Papa Francisco manifesta que Nossa Senhora Aparecida acompanhe o Arcebispo e seja sua proteção. O Santo Padre desejou também que os dons do Espírito Santo sempre estejam com Dom Jaime. Mais tarde, o novo prelado recebeu o báculo, símbolo da missão de conduzir o povo de Deus na Arquidiocese. Em seguida, foi conduzido por Dom Dadeus até a Cátedra, lugar de onde deve orientar o povo.

Em suas primeiras palavras como novo Arcebispo de Porto Alegre, Dom Jaime afirmou que quer cooperar para que a obra da evangelização iniciada pelos predecessores da Arquidiocese possa avançar no tempo e produzir muitos frutos. Lembrando o diálogo de Jesus com o Apóstolo Pedro e a profissão da infidelidade, o prelado disse que Jesus vai ao encontro de todos. Segundo ele, o amor é mais forte que a morte. "O Ser humano vale o que é diante de Deus e nada mais. Somente o amor de Deus pode ser nossa sustentação. Por isso, na misericórdia, na acolhida e na proximidade está o sentido da atividade que estamos assumindo".

Um momento marcante da celebração aconteceu depois da comunhão, quando a Orquestra Jovem do Rio Grande do Sul, formada por adolescentes da rede pública de ensino, executou o Hino Panis Angelicus. Ocorreu ainda a entrada oficial da imagem de São Francisco de Assis trazida ao Rio Grande do Sul, há 250 anos, pelos imigrantes açorianos, primeiros moradores de Porto Alegre, devido a origem franciscana do novo Arcebispo.

Dom Jaime Spengler é nono Bispo a governar a Arquidiocese de Porto Alegre e o sétimo Bispo elevado à dignidade de Arcebispo. Ele ingressou na Ordem dos Frades Menores em 1989, sendo ordenado padre em dezembro de 1990. Possui doutorado em filosofia pela Pontifícia Universidade Antonianum. No dia 10 de novembro de 2010, foi nomeado pelo Papa Bento XVI Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Porto Alegre, sendo ordenado no dia 05 de fevereiro de 2011. Seu lema episcopal é "Gloriar-se na Cruz". (FB)

Gaudium Press

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.