Medalha Milagrosa

Vaticano: Papa vai acolher imagem da Capelinha das Aparições na Praça de São Pedro

Foto: Santuário de Fátima

Cidade do Vaticano, 24 set 2013 (Ecclesia) – O Papa vai receber no Vaticano a imagem da Virgem de Fátima venerada na Capelinha das Aparições, numa celebração com início marcado para as 17h00 (menos uma em Lisboa) do dia 12 de outubro.

A inédita deslocação da imagem, que pela primeira vez vai estar fora da Cova da Iria numa peregrinação internacional aniversária, foi um pedido expresso de Bento XVI, Papa emérito, repetido por Francisco, integrando-se na Jornada Mariana do Ano da Fé.

Em carta dirigida ao bispo de Leiria-Fátima, o presidente do Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização (Santa Sé), D. Rino Fisichella, justificava a presença no Vaticano da imagem da Capelinha das Aparições com o “desejo vivo” do Papa de que a Jornada Mariana pudesse “ter como especial sinal um dos ícones marianos entre os mais significativos para os cristãos em todo o mundo”.

Após o acolhimento, na Praça de São Pedro, vai ter lugar uma “catequese mariana”, segundo o programa divulgado pela Santa Sé.

A partir das 19h00 locais, a imagem de Nossa Senhora de Fátima vai estar no Santuário do Divino Amor para a oração ‘Com Maria para além da noite’, evento organizado pelo Vicariato de Roma e patrocinado pelo Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização.

A iniciativa inclui a recitação da oração do Rosário “em união com os santuários marianos espalhados pelo mundo”, adianta o programa divulgado pelo Vaticano, e uma vigília a partir das 22h00.

O Santuário do Divino Amor, cerca de 20 quilómetros a sul do Vaticano, ganhou expressão como polo de peregrinação no século XVIII e a imagem de Nossa Senhora ali venerada recebeu o título de “Salvadora de Roma" em 1944, por decisão de Pio XII, durante a II Guerra Mundial.

No dia 13 de outubro, a imagem da Senhora de Fátima vai chegar à Praça de São Pedro pelas 08h00, seguindo-se a oração do Rosário (10h00) e a missa presidida pelo Papa Francisco (10h30).

A jornada inclui uma celebração de consagração do mundo ao Imaculado Coração de Maria.

Francisco vai repetir um gesto realizado por João Paulo II (1920-2005), diante da mesma imagem, a 25 de março de 1984, na Praça de São Pedro, Vaticano.

A imagem apenas deixa a Capelinha das Aparições em situações consideradas “muito especiais” e esta será a 12ª ocasião em que tal acontece.

O Santuário de Fátima envia ao Vaticano uma delegação de nove pessoas, presidida pelo reitor, padre Carlos Cabecinhas, com partida na tarde de dia 12 de outubro e regresso no dia seguinte, à noite.

A Jornada Mariana é um dos eventos pontifícios previstos no calendário de celebração do Ano da Fé (outubro de 2012-novembro de 2013) e vai congregar em Roma centenas de movimentos e instituições. OC

Agência Ecclesia

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.