Medalha Milagrosa

Vaticano: Papa vai publicar encíclica sobre a fé escrita a «quatro mãos»

Cidade do Vaticano, 13 jun 2013 (Ecclesia) – O Papa Francisco disse hoje que irá concluir a encíclica sobre o tema da fé iniciada por Bento XVI, revela o portal de notícias do Vaticano “news.va”.

O anúncio do Papa aconteceu durante a audiência aos membros do XIII Conselho Ordinário da Secretaria-geral do Sínodo dos Bispos, reunidos em Roma para a preparação do próximo encontro dos bispos de todo o mundo em assembleia sinodal

A nova encíclica sobre a fé é um “documento forte” e será escrita a “a quatro mãos”, disse o Papa Francisco, citado pela agência de notícias da Conferência Episcopal Italiana SIR, referindo que dará continuidade ao texto iniciado pelo Papa emérito Bento XVI.

As declarações do Papa aconteceram durante o colóquio que manteve com os 25 membros do Conselho para o Sínodo dos Bispos, após se ter referido, através de um discurso escrito, ao tema desta reunião: “A nova evangelização para a transmissão da fé”.

“Existe uma estreita ligação entre estes dois elementos: a transmissão da fé cristã é o objetivo de uma nova evangelização e de toda a obra evangelizadora da Igreja, que existe para isso mesmo”, disse Francisco no seu discurso para esta audiência, divulgado pela sala de imprensa da Santa Sé.

O Papa referiu depois que a expressão “nova evangelização” ajuda a tomar consciência de que “mesmo nos países da antiga tradição cristã” é necessário um “renovado anúncio do Evangelho”, que não seja “superficial” nem marcado pela “rotina”, mas proporcione um “encontro com Cristo que transforme verdadeiramente a vida”.

Francisco referiu-se depois à estrutura do Sínodo dos Bispos, fruto do Concílio Vaticano II, como expressão da “colegialidade” que o próprio Papa disse testemunhar por ter participado em várias assembleias sinodais.

O tema da próxima assembleia sinodal será definido pelo Papa a partir das propostas recolhidas pela Secretaria-geral do Sínodo

No diálogo com os membros do Conselho Ordinário da Secretaria-geral do Sínodo dos Bispos, Francisco referiu-se a alguns temas em análise, nomeadamente os que decorrem do assinalar, em 2015, dos 50 anos do documento conciliar “Gaudium et spes”, que trata temáticas relacionadas com as relações Igreja-mundo, dignidade humana, família e tecnologia.

Segundo a agência SIR, o Papa sublinhou a importância dos temas os da família, ecologia, nomeadamente a ecologia humana, laicidade e a relação do Sínodo com o ministério pegrino “em torno do qual existem muitas expectativas”. PR

Agência Ecclesia

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.