Medalha Milagrosa

Cuba: salesianos lançam campanha para socorrer vítimas do furacão

Cidade do Vaticano, 29 out (RV) - Depois da oração mariana do Angelus, Bento XVI fez um apelo em prol das vítimas do furacão Sandy, que atingiu nesses dias o Caribe e que esta a caminho dos Estados Unidos.

"Nos dias passados, um furacão devastador se abateu violentamente contra Cuba, Haiti, Jamaica e Bahamas, causando vários mortos e grandes prejuízos, obrigando muitas pessoas a deixarem suas casas. Asseguro minha proximidade e recordação das pessoas atingidas por esse desastre natural, e convido à oração, à solidariedade a fim de aliviar a dor dos familiares das vítimas e ao apoio aos milhares de danificados", disse o Papa.

O Presidente de Cuba, Raúl Castro, pediu que seja feito o "esforço máximo" para que o país se recupere dos prejuízos causados pelo furacão "Sandy".

O governo da Ilha ainda não divulgou as estimativas finais dos prejuízos causados pelo "furacão, no entanto, dados preliminares indicam que em Santiago de Cuba as perdas somam mais de 61 milhões de euros. Na região leste do país, mais de 46.200 habitações foram afetadas, das quais 14.200 ficaram totalmente destruídas. Pelo menos 11 pessoas morreram.

A comunidade salesiana na província de Santiago não ficou imune.

Ventos e chuvas fizeram com que um dos muros do pátio desmoronasse, várias portas foram destruídas e várias árvores arrancadas. Na cidade, segundo o diretor da casa salesiana, padre Julio Fernández, tanto a rede elétrica como de telefonia e o abastecimento de água foram danificados.

A delegação Salesiana de Cuba lançou uma campanha para arrecadar fundos que servirão para ajudar as pessoas afetadas pelo furacão. As pessoas que desejam colaborar podem encontrar mais informações no site salesianosdecuba.com

(BF) - Rádio Vaticano

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.