Medalha Milagrosa

Em Salvador, louvores a Nossa Senhora de Fátima

Os devotos de Nossa Senhora de Fátima da Arquidiocese de Salvador acordarão cedo no próximo domingo, 13 de maio para louvar a Mãe de Jesus. A programação nas paróquias e no santuário dedicado a Virgem que apareceu para os três pastores na cidade de Fátima, em Portugal começam a partir das 6h. Este ano, o dia das mães coincide com a festa mariana.

No Santuário de Nossa Senhora de Fátima (Av. Leovigildo Filgueiras, 683, Garcia – Tel.: (71) 3267-0797 - ao lado do Colégio Antônio Vieira) a programação começa às 6h com Alvorada, Oração do “Regina Coeli” e Ofício de Nossa Senhora. Ao longo do dia haverá missa às 7h30, 10h, 15h e 19h.  Antes da última missa, uma procissão de ida e volta saindo do Santuário até o Colégio Sacramentinas reúne a comunidade às 16h45.
Na paróquia Nossa Senhora de Fátima (Rua Missionário Otto Nelson, s/n, Stella Maris – Tel.: (71) 3249-7159) o dia festivo começa com uma alvorada, às 6h30, seguida do Ofício de Nossa Senhora e de uma Celebração Eucarística. Já às 16h30 será realizada uma procissão pelas ruas do bairro. A Missa solene será às 18h30.

Louvores também na paróquia Nossa Senhora de Fátima (Rua Professor Bezerra Lopes, 27, Acupe de Brotas – Tel.: (71) 3357-5433). Às 7h os devotos rezam o Ofício de Nossa Senhora, seguido de Missa dedicada aos paroquianos. Às 10h a comunidade participa de uma Missa pelos doentes, com o Sacramento da Unção dos Enfermos. Já às 16h será meditado o rosário. A Missa em louvor à Virgem Santíssima será às 18h.

História - A devoção a Nossa Senhora da Fátima começa em 1917, durante a primeira guerra mundial. No dia 13 de maio, a Virgem Maria apareceu para pastorinhos portugueses que cuidavam das ovelhas, num local conhecido como Cova da Iria. Na ocasião ela pediu que o povo rezasse o terço, pedindo o fim da guerra e a conversão dos pecadores. As três crianças se chamavam Lúcia de Jesus, de dez anos e seus primos Francisco e Jacinta de nove e sete anos respectivamente. Nossa Senhora apareceu ainda mais quatro vezes, no mesmo local sempre pedindo para que o povo rezasse pela paz.

Fernanda Santana - Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Salvador

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.