Medalha Milagrosa

México: Filme sobre católicos na guerra civil em estreia antes de visita do Papa

Roma, 20 mar (Ecclesia) – Roma acolhe hoje a ante-estreia mundial do filme ‘Cristiada’, que retrata o conflito religioso no México, entre 1926 e 1929, com o envolvimento dos católicos na guerra civil.

A obra é apresentada três dias antes da partida de Bento XVI para aquele país latino-americano, de forma privada, no Instituto Patrístico ‘Augustinianum’, junto à Praça de São Pedro, Vaticano.

Segundo comunicado da Agência H2ONews, enviado à Agência ECCLESIA, o filme centra-se no “debate de consciência que assaltou os católicos mexicanos”, quanto ao recurso à luta armada, face às leis anticlericais do presidente Plutarco Elías Calles, na chamada ‘Guerra Cristera’.

O ator Andy Garcia, nascido em Cuba, a atriz Eva Longoria, descendente de mexicanos, e Peter O’Toole são alguns dos protagonistas da obra cinematográfica do realizador Dean Wright - autor dos efeitos especiais de filmes como ‘Titanic’, ‘O Senhor dos Anéis’ e ‘Crónicas de Nárnia’ -, com estreia marcada para 20 de abril, no México, e 1 de junho nos Estados Unidos da América.

O Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura (SNPC) recorda, na sua página na internet, que o cardeal português D. José Saraiva Martins, antigo prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, beatificou em 2005 treze mártires mexicanos, três padres e dez leigos, um deles com 14 anos, pertencentes ao Movimento Cristeros.

A celebração realizou-se a 20 de novembro, dia de Cristo Rei, em memória das palavras ‘Viva Cristo Rei!’ que dois dos mártires proclamaram antes de morrer.

A partir de sexta-feira, Bento XVI visita León, capital do Estado de Guanajuato, no centro do país, que recebe um Papa pela primeira vez.

No programa papal destaca-se a missa de domingo, que vai decorrer no Parque Bicentenário, espaço comemorativo dos 200 anos da independência do México que se localiza entre as cidades de Guanajuato, Silao e León, com 14 mil metros quadrados.

Para o padre Tiago Barbosa, missionário português no México, esta é uma “região de mártires” que gera “muita emoção” entre os católicos.

Bento XVI vai sobrevoar de helicóptero a imagem de Cristo Rei, em Silao, referência para milhares de católicos durante a ‘Guerra Cristera’.

Segundo números do Vaticano, existem no México mais de 99 milhões de católicos (91,89 por cento da população do país), o que corresponde a cerca de 8,2 por cento do total de batizados em todo o mundo (1196 milhões) e coloca a nação em segundo lugar, a nível mundial, apenas atrás do Brasil.

Esta é a primeira vez que o atual Papa visita países de língua hispânica na América Latina e a sua terceira viagem ao continente americano, após a viagem ao Brasil (2007) e aos EUA (2008), estando previsto um percurso equivalente a meia volta ao mundo, com dez intervenções.

João Paulo II esteve cinco vezes no México, um dos países mais visitados pelo beato polaco: 1979 (na primeira viagem internacional do pontificado), 1990, 1993, 1999 e 2002.

OC - Agência Ecclesia

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.