Medalha Milagrosa

Astronomia: Minerais de Marte vão ser revelados em exposição organizada pelo Vaticano

Cidade do Vaticano, 02 fev 2012 (Ecclesia) – Um conjunto de minerais de Marte e da Lua vai integrar a exposição ‘Histórias do outro mundo: o universo dentro e fora de nós’, que decorre de março a julho em Pisa, Itália, anunciou hoje o Vaticano.

A iniciativa, organizada em parceria com o observatório astronómico da Santa Sé, vai mostrar “imagens espetaculares, instrumentos de grande interesse e peças extraordinárias, como minerais lunares e marcianos”, disse esta manhã no Vaticano o presidente da Fundação Palazzo Blu, que acolhe a mostra.

A “fascinante viagem” começa no sistema solar, passa pelas estrelas da galáxia onde o planeta Terra está situado e chega até “aos confins espácio-temporais do universo” e dos conhecimentos científicos atuais, afirmou Cosimo Bracci Torsi, citado pelo Serviço de Informação do Vaticano.

O responsável salientou que a mostra resulta de “uma feliz colaboração entre cientistas leigos e religiosos, pertencentes a instituições de altíssimo valor científico mas de origem muito diferente”: Observatório do Vaticano, Instituto Nacional de Física Nuclear e departamento de Física da Universidade de Pisa.

O diretor do Observatório do Vaticano, o padre argentino José Gabriel Funes, igualmente presente na conferência de imprensa, recordou que Pisa, 350 km a noroeste de Roma, é um local histórico para a astronomia.

A cidade famosa pela sua torre inclinada viu o nascimento de Galileu Galilei, tendo sido também o centro da atividade do cardeal Pietro Maffi, a quem o Papa Pio X nomeou, em 1904, presidente e reorganizador do Observatório do Vaticano.

O sacerdote jesuíta explicou que a exposição patente de 10 de março a 1 de julho dirige-se especialmente aos jovens, pelo que foi feito um esforço para “tornar acessíveis conhecimentos complexos e difíceis de comunicar sem cair na superficialidade”.

O Observatório do Vaticano foi fundado em 1891 pelo Papa Leão XIII para mostrar que "a Igreja e os seus pastores não se opõem à ciência autêntica e sólida".

A instituição sediada em Castel Gandolfo, arredores de Roma, tem um segundo centro de pesquisa, ‘The Vatican Observatory Research Group’ em Tucson, Arizona (EUA), criado em 1981.

OC/RJM - Agência Ecclesia

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.