Medalha Milagrosa

Iraque: Residência de arcebispo católico atingida a tiro

Lisboa, 12 jan (Ecclesia) – A residência do arcebispo caldeu (rito oriental da Igreja Católica) de Kirkuk, cidade iraquiana 300 quilómetros a norte de Bagdade, foi atingida a tiro esta quarta-feira, não tendo provocado ferimentos a D. Louis Sako.

O arcebispo, que em 2010 recebeu o ‘Prémio para a Paz’ do movimento católico internacional ‘Pax Christi’, disse à Rádio Vaticano que os “criminosos vinham de Bagdade” e que o seu objetivo “não seria a sede da arquidiocese”, mas a casa de uma deputada, junto ao edifício.

Os disparos foram feitos desde um automóvel em movimento e as forças de segurança responderam ao fogo, matando dois dos atiradores e prendendo um outro.

D. Louis Sako afirma que “a situação é algo tensa, não há ordem nem controlo no país”.

“Nós não tivemos medo, pelo menos no imediato. Eu estava precisamente a chegar de uma visita a uma paróquia e fui imediatamente para o local, encorajando os guardas e as outras pessoas presentes”, relatou o prelado, que no último mês de novembro passou por Portugal.

A comunidade caldeia no Iraque reza na mesma língua de Jesus, o aramaico, e sobrevive há 2 mil anos sem nunca ter tido um rei ou um império cristão no território.

OC - Agência Ecclesia

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.