Medalha Milagrosa

Madrid: Um milhão de peregrinos à espera do Papa

Lisboa, 17 ago – Bento XVI vai plantar uma oliveira no primeiro encontro com os jovens participantes da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2011, em Madrid, ao final da tarde desta quinta-feira, junto à emblemática Porta de Alcalá.

O gesto simbólico pretende criar “um sinal visível do enraizamento que é o lema destas jornadas”, indica o guia das celebrações a que o Papa vai presidir entre 18 e 21 deste mês, publicado pelo Vaticano.

As JMJ, que decorrem esta semana, têm como tema “Enraizados e edificados em Cristo, firmes na fé” (da carta de São Paulo aos Colossenses) e devem juntar em Madrid mais de um milhão de jovens, segundo estimativas hoje divulgadas pela organização, incluindo mais de 12 mil portugueses e outros milhares de peregrinos lusófonos.

Bento XVI chega à capital espanhola às 12h00 (menos uma em Lisboa) e vai encontrar-se com os jovens vindos de mais de uma centena e meia de países a partir das 19h15, atravessando a referida porta, na Praça da Independência, acompanhado pelo arcebispo de Madrid, cardeal Rouco Varela, e por jovens representantes dos cinco continentes, a caminho da Praça de Cibeles.

Esta porta monumental, mandada construir pelo rei Carlos III, servia no século XVIII como entrada a todos os que ali chegavam, provenientes do resto da Europa.

Nesta primeira celebração, vão ser lembrados “todos os perseguidos por causa do evangelho”, para além dos “pobres e marginalizados”, os que “não têm casa nem trabalho” ou os que “passam fome e sede”.

Esta será a terceira visita de Bento XVI a Espanha, após as passagens por Valência (2006), Santiago de Compostela e Barcelona (2010).

Trata-se também da terceira viagem do atual Papa à cidade que acolhe as JMJ, depois de Colónia (Alemanha, 2005) e Sidney (Austrália, 2008).

Em Madrid, terão lugar encontros com grupos de professores universitários, jovens religiosos e religiosas, seminaristas, pessoas portadoras de deficiência, voluntários e os mais de um milhão de peregrinos, que incluem uma via-sacra nas ruas da cidade, uma vigília e uma missa no aeródromo de Cuatro Vientos (ver programa completo).

O Vaticano destaca como “acontecimento singular” a chamada ‘Festa do Perdão’, marcada para as 09h00 de sábado, dia 20, na qual o Papa vai confessar “vários jovens” no Passeio dos Coches do Parque do Retiro de Madrid.

Nesse mesmo dia, Bento XVI desloca-se à base aérea de Cuatro Vientos, local que acolheu o beato João Paulo II na sua última visita à Espanha, em 2003.

Ali, o atual Papa vai presidir à vigília de oração - um dos “mais queridos e multitudinários atos da JMJ” 2011 nas palavras da Santa Sé -,  na qual os jovens vão ter ao seu dispor 17 capelas, abertas durante toda a noite.

No domingo, Bento XVI preside à missa de encerramento (09h30) e, antes da tradicional oração do Angelus, dedicada à Virgem Maria, vai anunciar o local onde se vai realizar a JMJ 2014.

Antes do regresso a Roma, o Papa vai ainda encontrar-se com os voluntários desta jornada, sublinhando o seu “generoso serviço”.

O missal da viagem a Madrid foi preparado pelo Departamento das Celebrações Litúrgicas do Sumo Pontífice (Santa Sé), em colaboração com os responsáveis pelos atos centrais da JMJ de Madrid.

O portal Agência ECCLESIA está a acompanhar a edição de 2011 da Jornada Mundial da Juventude com uma secção dedicada ao encontro, onde além de notícias atualizadas se inclui a edição especial em «pdf» criada para o evento, bem como vídeos e ligações em direto.

OC - Agência Ecclesia

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.