Medalha Milagrosa

Papa: O cristão não crê em algo, mas em alguém

Cidade do Vaticano, 06 mai – O presidente da República Italiana, Giorgio Napolitano, ofereceu a Bento XVI, um concerto que foi realizado na Sala Paulo VI, no Vaticano, na tarde de ontem, quinta-feira, por ocasião do sexto aniversário de seu pontificado.

A Orquestra e o Coro do Teatro da Ópera de Roma, dirigidos pelos maestros Jesús López Cobos e Roberto Gabbiani, exibiram o Credo de Vivaldi e o Stabat Mater de Rossini, dois grandes músicos italianos.

"A fé cristã não significa crer em algo, mas crer em Alguém, crer naquele Deus que se revelou em Jesus", disse o Papa em seu discurso proferido no final do concerto.

O Santo Padre frisou que "a palavra crer tem vários significados, mas quando é proferida na Oração do Credo, ou seja, na profissão de fé da Igreja, adquire um significado mais profundo".

"Dizer eu creio, significa afirmar com confiança o sentido verdadeiro da realidade que nos sustenta, significa acolher este sentido como o terreno sólido sobre o qual podemos caminhar sem medo" – disse ainda o Papa.

Antes do concerto, o presidente italiano, em sua saudação, falou sobre a proximidade entre Itália e Vaticano, evidenciada por Bento XVI por ocasião dos 150 anos da Unificação Italiana.

Napolitano ressaltou que foi uma emoção participar da Beatificação de João Paulo II, no último dia 1°, e quando falou sobre o fenômeno da migração, lançou um apelo à União Europeia para que não se feche em seu bem-estar.

O presidente da República Italiana recordou como a voz do Papa se elevou diante dos acontecimentos no norte da África e no Oriente Médio, indicando ao mundo os princípios do acolhimento e da solidariedade. (MJ)

Rádio Vaticano

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.