Medalha Milagrosa

Papa: Ressurreição do Senhor marca renovação de nossa condição humana

Cidade do Vaticano, 25 abr - Bento XVI presidiu a oração do Regina Coeli, desta segunda-feira na oitava de Páscoa, do balcão do pátio interno da residência pontifícia de Castel Gandolfo, onde o pontífice transcorre alguns dias de descanso, após as celebrações da Semana Santa.

Na alocução que precedeu a oração do Regina Coeli, o Papa frisou que "a ressurreição do Senhor marca a renovação de nossa condição humana" e a seguir acrescentou: "Cristo venceu a morte, causada pelo nosso pecado, e nos reconduz à vida imortal. Desse evento depende toda a vida da Igreja e a própria existência dos cristãos. Um dos sinais característicos da fé na Ressurreição é a saudação entre os cristãos no tempo pascal, inspirado no antigo hino litúrgico: Cristo ressuscitou! Ele realmente ressuscitou! É uma profissão de fé e um compromisso de vida, como aconteceu com as mulheres conforme relatado no Evangelho de São Mateus: De repente, Jesus foi ao encontro delas, e disse: «Não tenham medo. Vão anunciar aos meus irmãos que se dirijam para a Galiléia. Lá eles me verão». Toda a Igreja – escreve o Servo de Deus Paulo VI – recebe a missão de evangelizar. Ela permanece como um sinal ao mesmo tempo opaco e luminoso de uma nova presença de Jesus, de sua partida e permanência."

Como podemos encontrar o Senhor e nos tornar sempre mais suas autênticas testemunhas? O Papa respondeu a pergunta, citando as palavras de São Máximo de Turim: "Qualquer pessoa que queira chegar ao Salvador, primeiramente deve se colocar com a própria fé, à direita da divindade, deve aprender a dirigir constantemente o olhar da mente e do coração a Deus, onde se encontra Cristo ressuscitado". E o Santo Padre disse ainda: "Na oração, na adoração, Deus encontra o ser humano. O teólogo Romano Guardini ressalta que a adoração não é um acessório, algo secundário. Trata-se do interesse último, do sentido e do ser. Na adoração o homem reconhece aquilo que conta no sentido puro, simples e santo. Somente se soubermos nos dirigir a Deus, invocá-lo, iremos descobrir o significado mais profundo de nossa vida e o caminho cotidiano será iluminado pela luz do Ressuscitado."

Bento XVI recordou que a Igreja no Oriente e no Ocidente, hoje, celebra São Marcos Evangelista, sábio anunciador e escritor das doutrinas de Cristo, padroeiro de Veneza, cidade italiana que o Papa visitará nos dias 7 e 8 de maio próximo.

Invocando a Virgem Maria para que nos ajude a cumprir fielmente e na alegria a missão que o Senhor Ressuscitado nos confiou, Bento XVI rezou a oração do Regina Coeli e concedeu a todos a sua bênção apostólica. (MJ)

Rádio Vaticano

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.